ee

ee

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Galiza: 100 artistas para homenagear Zeca Afonso

Uma parte da letra da mais mediática canção de Zeca Afonso serve de mote a um festival galego que juntará 100 artistas e que se realizará exatamente 40 anos depois da primeira atuação do cantor português em Santiago de Compostela. 
 
A organização do festival "Terra da Fraternidade" pertence a um grupo de artistas galegos e realiza-se no próximo mês, na capital galega, como forma de prestar homenagem ao português.
 
"A 10 de maio de 1972, Zeca Afonso interpretou pela primeira vez em público a sua canção 'Grândola Vila Morena', em Santiago de Compostela. De seguida esta melodia transformou-se no símbolo da luta contra a ditadura e o compromisso social dos artistas", explicou Xoán Quintáns, um dos mentores, à agência Lusa.
 
O festival "Terra da Fraternidade" integrará mais de 30 atuações e 100 artistas, entre músicos, poetas, escritores, atores ou cineastas, que "colaborarão de forma gratuita nesta homenagem", sublinha a organização, partilhada ainda com artistas portugueses e brasileiros.

"Um amigo traz outro amigo"
 
"Não há empresas pelo meio, só gente a título pessoal que se soma a esta causa. Um amigo traz outro amigo", recorda Quintáns. O festival, garante ainda, não vai recorrer a fundos públicos e terá uma duração aproximada de duas horas e transmissão via internet.
 
Entre o cartaz contam-se nomes como Quico Cadaval, Banda Utopía, García  e Leo, João Afonso, Ugía e Fred Martins, Guadi Xabier e Guille Fernández, Tiago Gomes, Ico e Xurxo Souto, Xico de Carinho, entre outros. 
 
"Será uma grande festa da cultura galega e portuguesa, numa união fraternal, como acreditamos que seria do agrado do próprio Zeca Afonso", garantem os organizadores. 
 
Este tipo de homenagens a Zeca Afonso, na Galiza, não são inéditas e  já em 2009 músicos portugueses e espanhóis participam num concerto de homenagem aos 80 anos do seu nascimento, reforçando a importância do português na luta antifascista, nos dois lados do rio Minho. 
 
Em maio do mesmo ano, um parque de Santiago de Compostela foi batizado com o nome de Zeca Afonso, com cerca de uma centena de pessoas a cantarem, em galego e em português, "Grândola, Vila Morena".

in Boasnotícias - 10/04/2012

Sem comentários:

Enviar um comentário